USIPA - Escola Artur Bernardes realiza visita monitorada no Centro de Biodiversidade da Usipa

HOME     INSTITUCIONAL     ESPORTES     LAZER E SOCIAL      MEIO AMBIENTE      CANAIS     FOTOS    CONTATO

  :: NOTÍCIAS USIPA + Ver mais notícias
 


 
 

Escola Artur Bernardes realiza visita monitorada no Centro de Biodiversidade da Usipa
 

 

O Centro de Biodiversidade da Usipa, famoso por receber milhares de visitantes durante o Projeto Xerimbabo, receberá nesta quinta-feira (5) a visita dos professores e estudantes da Escola Municipal Artur Bernardes, por meio do Projeto de Visita Monitorada Zoo - PROGEA.

As práticas do Projeto de Visita Monitorada Zoo - PROGEA iniciaram na última quinta-feira (28) com a presença da Escola Municipal Almirante Toyoda. Agora é a vez da Escola Municipal Artur Bernardes, localizada no bairro Canaã em Ipatinga, participar do projeto. Os 90 alunos irão aprender sobre as serpentes e acompanhar a alimentação das cobras, além de serem instruídos sobre os assuntos gerais para manter viva a fauna e a flora da região.

A bióloga Claudia Diniz, uma das responsáveis pelo Cebus, salientou que a visita abordará orientações sobre a necessidade de preservação dos animais e do meio ambiente, pois muitos animais chegam machucados, debilitados ou com graves problemas nutricionais devido à alimentação inadequada que receberam no cativeiro.

“Quando é possível, os animais que chegam ao Cebus são reintroduzidos ao seu habitat, no entanto, uma boa parte não tem condições de voltar à natureza. Os zoológicos exercem importante função na sociedade e, através desse projeto, temos a intenção de orientar corretamente as crianças sobre os riscos do cativeiro inadequado” afirma Claudia.

O projeto tem a expectativa de receber 800 crianças até dezembro, e é realizado em parceria com a Polícia Militar de Minas Gerais, por meio do Programa de Educação Ambiental da Policia Militar (PROGEA), e conta com total apoio da Associação Regional de Proteção Ambiental do Vale do Aço – ARPAVA.

O Projeto

A ação procura atender a uma demanda da Polícia de Meio Ambiente que desenvolve na região o PROGEA, Programa de Educação Ambiental que atende escolas do Vale do Aço. Organizadas pelos responsáveis pelo Programa, as visitas são realizadas às quintas e sextas-feiras e oferecidas de forma gratuita, sempre com acompanhamento de monitor (estagiário ou voluntário). Todas as Ações do PROGEA são custeadas com recursos advindos das transações penais encaminhados pela Promotoria de Meio Ambiente para a ARPAVA, ONG do Vale do Aço apoiadora das ações do CEBUS e PROGEA.