USIPA - Centro de Biodiversidade da Usipa retorna com as visitas do PROGEA

HOME     INSTITUCIONAL     ESPORTES     LAZER E SOCIAL      MEIO AMBIENTE      CANAIS     FOTOS    CONTATO

  :: NOTÍCIAS USIPA + Ver mais notícias
 


 
 

Centro de Biodiversidade da Usipa retorna com as visitas do PROGEA
 

 

Nesta quarta e quinta-feira (13 e 14), as atividades das visitas monitoradas do Programa Educação Ambiental (PROGEA) foram retomadas, recebendo alunos das escolas municipal e estadual Nicanor Ataíde e Almirante Toyoda. Os alunos tiveram a oportunidade de conhecer as atividades desenvolvidas pelo zoológico, promovendo a educação ambiental no Vale do Aço.

Quarta-feira (13/06), a Escola Municipal Nicanor Ataíde, localizada em Coronel Fabriciano, atende estudantes que vivem às margens do rio Piracicaba e praticam a pesca neste rio. Desta forma, eles irão aprender sobre o período apropriado para pesca, matas ciliares, entre outros, além de desenvolver atividades para a fixação do aprendizado.

Já na quinta (14/06), os alunos da Escola Estadual Almirante Toyoda, situada em Ipatinga, irão conhecer um pouco mais sobre a biodiversidade, o papel do Parque Estadual do Rio Doce (PERD) na manutenção da qualidade de vida da região, dentre outros. Os alunos também irão produzir “brinquedos” para realizar o enriquecimento ambiental para os macacos prego residentes do Zoológico.

Segundo a bióloga do Centro de Biodiversidade da Usipa (Cebus), Cláudia Diniz, o projeto é de suma importância para o aprendizado prático das crianças em relação à fauna e à flora. “Por meio do projeto, ensinamos às crianças o cuidado que devemos ter com a preservação da nossa biodiversidade, realizando uma vivência fora da sala de aula. O zoológico tem função social desenvolvida por meio da educação ambiental, pois acreditamos que este conhecimento é necessário para a atual e as futuras gerações”, afirma.

Sobre o programa

A ação procura atender a uma demanda da Polícia de Meio Ambiente, que desenvolve na região o Programa de Educação Ambiental (PROGEA) nas escolas do Vale do Aço. Organizadas pelos responsáveis pelo programa, as visitas são realizadas às quintas e sextas-feiras e oferecidas de forma gratuita, sempre com acompanhamento de monitor. Todas as Ações do PROGEA são custeadas com recursos advindos das transações penais encaminhados pela Promotoria de Meio Ambiente para a ARPAVA, ONG do Vale do Aço apoiadora das ações do CEBUS e PROGEA.